Saiba mais sobre aftas bucais

Atendimento por Whatsapp

Saiba mais sobre aftas bucais, quais os sintomas e quais os procedimentos para acabar com elas, evitando maiores transtornos.

Aftas bucais saiba mais_Clinodente

Todo mundo já teve, pelo menos uma vez na vida, uma incômoda afta na boca. Elas são lesões muito comuns e podem afetar qualquer pessoa.

As aftas na bucais parecem na parede interna da boca, gengivas e sob a língua, com aspecto de pequenas feridas e que causam muita dor. Mas você sabe como elas surgem? Preparamos dicas importantes sobre a afta na boca que irá acabar com suas dúvidas sobre esse mau.

Como elas surgem?

As aftas na boca surgem inicialmente com uma espécie de bolinha avermelhada. Em torno de mais ou menos dois dias, a bolinha dá lugar a um pequeno buraco com coloração branco-amarelado e de tamanho pequeno, sem sinal de infecção.

Sintomas

Uma afta na boca costuma ter como principal sintoma a dor, que pode atrapalhar na hora de falar ou ingerir certos alimentos.

Além disso, outros sintomas (não muito comuns), como febre, indisposição e surgimento de ínguas na região do pescoço também podem acompanhar o problema.

Geralmente, a maioria das aftas bucais tem duração em torno de uma ou duas semanas, onde elas se curam de forma espontânea, sem deixar cicatriz.

aftas-bucais_clinodente

Por que elas aparecem?

Ainda não se sabe exatamente as causas das aftas na bucais, mas uma série de fatores podem estar ligadas a elas, como baixa imunidade, estresse emocionalcarências nutricionais, pequenos traumas na mucosa da boca (por acidente ou excesso de escovação), entre outros.

Quem pode ter afta na boca?

Qualquer pessoa pode desenvolver aftas ao longo da vida. Elas surgem com mais frequência em adolescentes e adultos jovens, tendendo a diminuir sua ocorrência com o passar dos anos.

Cerca de 20% da população sofre com aftas recorrentes, o que pode ser um potencial hereditário.

Quais os procedimentos para acabar com a afta na boca?

Algumas medidas simples vão ajudar você a lidar com o incômodo das aftas enquanto elas estiverem em sua boca. Veja algumas dicas:

-Evite alimentos ácidos ou muito condimentados, que podem irritar ainda mais as lesões;

-Escovar os dentes suavemente;

-Caso a sensação seja de grande incômodo, consulte um Dentista. Ele irá receitar um tratamento sintomático, com bochechos ou aplicações de medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos;

Afta na boca é grave?

A afta na boca, embora seja dolorosa e desconfortável, são lesões benignas e que não geram transmissão a outras pessoas. Além disso, por maiores que sejam, elas não causam mau hálito e, ao contrário do que se acredita, não são causadas pelo vírus do herpes.

Apesar de ser um problema comum e sem grande gravidade, sempre é bom  procurar ajuda médica ao aparecimento de uma afta na boca.

Lembre-se!

Se as aftas forem grandes (maiores que 1cm), apresentarem duração de mais de três semanas, causar dores que não melhorarem com os analgésicos comuns ou houver sinais de infecção da afta, consulte um especialista para verificar o caso. Converse com um de nossos especialistas.

Preencha seus dados e prossiga x