Mordida cruzada: o que é e qual o tipo de aparelho para tratá-la

Atendimento por Whatsapp

A mordida cruzada é um dos principais problemas de desalinhamento dentário e está, também, entre as principais insatisfações das pessoas em relação à própria aparência. Por causa disso, pessoas que têm mordida cruzada evidente tendem a ser mais introspectivas, possuem baixa autoestima e evitam situações em que tem de sorrir.

Como se não bastasse, além dos problemas estéticos e sociais, a mordida cruzada pode afetar a mastigação, a fala e a respiração, além de propiciar diversas doenças bucais, bruxismo e danos à articulação.

Felizmente, esse problema pode ser solucionado com a ajuda de aparelhos ortodônticos, ou, em casos mais severos de má formação óssea, com intervenção cirúrgica.

Veja a seguir o que é a mordida cruzada, suas principais causas e qual o tipo de aparelho mais indicado para tratá-la!

O que é, de fato, a mordida cruzada?

Para contextualizar, vamos explicar primeiro o conceito de oclusão. De acordo com o dicionário do Google, oclusão é o contato dos dentes de ambos os maxilares quando fechados ou durante os movimentos da mandíbula, o qual é essencial à mastigação”.

A oclusão ideal, de forma simples, ocorre quando os dentes da arcada superior se projetam levemente sobre todos os dentes da arcada inferior, gerando um encaixe perfeito.

A mordida cruzada, por sua vez, é um tipo de má oclusão, em que esse fechamento ocorre de maneira disfuncional, isto é, o encaixe é irregular. Na prática, isso significa que quando um ou mais dentes da arcada superior fecham por dentro, excessivamente para fora ou pelas laterais dos dentes da arcada inferior, trata-se de uma mordida cruzada. Isso pode ocorrer ao mastigar, ao falar e até em repouso.

Entre as principais causas de mordida cruzada estão o crescimento insuficiente do maxilar (problema esquelético) e o crescimento irregular dos dentes (problema dentário), normalmente genéticos, mas que podem ser agravados pelos hábitos infantis, como uso prolongado da mamadeira ou chupeta, e chupar o dedo.

Qual o aparelho dentário indicado para tratar a mordida cruzada?

O tratamento com aparelho ortodôntico é, certamente, a melhor escolha para quem precisa corrigir o posicionamento dos dentes. Para o tratamento da mordida cruzada, porém, o modelo do aparelho dependerá, basicamente, da idade do paciente e da complexidade do problema. De fato, quanto mais cedo a mordida cruzada for diagnosticada, mais rápida será a sua correção e menores serão as consequências do tratamento.

Em crianças e adolescentes, cujo organismo está em pleno desenvolvimento, o tratamento pode ser realizado com um aparelho conhecido como expansor palatino, capaz de expandir a maxila, aumentando, assim, o tamanho da arcada superior.

Em adultos, o tratamento da mordida cruzada é feito com aparelho ortodôntico fixo, composto de braquetes, fios ortodônticos e ligaduras elásticas. Com a instalação e ativação contínua nas consultas de manutenção, o aparelho ortodôntico exerce pressão sobre os dentes e os movimenta até a posição correta.

Na Clinodente, temos duas opções de aparelhos ortodônticos fixos, igualmente eficientes: o aparelho metálico, modelo conhecido por todos, e o aparelho estético, com braquetes que imitam a cor natural dos dentes – especialmente para quem deseja um acessório mais discreto.

Se você está insatisfeito com o seu sorriso, venha conversar com a gente! Ligue para (51) 3093-1515 ou agende agora mesmo sua avaliação pelo nosso site!

Preencha seus dados e prossiga x