Odontopediatria: quando é que o seu filho deve ir ao dentista?

Atendimento por Whatsapp

Cuidar muito bem do sorriso é tarefa imprescindível para a saúde em qualquer etapa da vida.

Desde os primeiros anos de idade, é fundamental que as crianças sejam levadas a um bom dentista, até mesmo para que já se acostumem com o hábito. É neste processo em que compreende a odontopediatria.

Como o próprio nome sugere, a Odontopediatria une a Odontologia e a Pediatria. Assim, um odontopediatra é o responsável por avaliar, zelar e sanar as dúvidas dos pais sobre a saúde bucal das crianças.

Comumente, o próprio pediatra já faz o alerta quanto à necessidade de começar a cuidar dos dentinhos. Mas afinal, quando deve ser a primeira consulta com um dentista?

A resposta é: ainda bebê! Isso mesmo. As precauções com a saúde bucal devem começar bem cedo, antes mesmo do surgimento do primeiro dente de leite, por volta dos 6 ou 7 meses.

Diversas crianças aprendendo sobre atendimento odontológico Foto Premium

Por que tão cedo?

A primeira ida ao dentista é fundamental por uma série de motivos. Um deles é a oportunidade de ter as recomendações corretas a respeito da saúde bucal da criança.

Portanto, quanto mais cedo houver um acompanhamento profissional maiores são as chances de se evitar as doenças bucais ao longo da vida.

Além disso, mesmo que os dentes de leite ainda não tenham nascido, já é necessário realizar a higienização da cavidade oral do bebê.

Esse cuidado evita o surgimento de cáries nos pedacinhos de dente que aparecerão. 

Como é a primeira consulta de odontopediatria?

Simples. O odontopediatra irá fazer uma avaliação da cavidade oral da criança, de modo a verificar como está o desenvolvimento do dente e se a limpeza está sendo eficaz.

A análise de possíveis lesões também é realizada. 

Mas o grande motivo da consulta odontopediátrica diz respeito aos pais, que têm nesse momento a oportunidade de receber orientações corretas sobre os primeiros cuidados com a saúde bucal da criança.

Em suma, o profissional também abordará os hábitos alimentares das crianças, que influenciam na saúde dos dentes e da gengiva. E atenção: o açúcar é quase sempre vilão!

Antes mesmo de ir ao consultório…

Algumas dicas valiosas:

– A gengiva do bebê deve ser muito bem higienizada, antes do surgimento dos primeiros dentinhos.

É preciso esfregar um pano limpo e úmido nas partes superior e inferior da boquinha. 

– Quando os dentes aparecerem, escove-os de duas a três vezes por dia, utilizando água e uma escova de cerdas bastante macias. 

Tranquilize-se! Muitos pais ficam com receio e evitam levar seus filhos ao odontopediatra.

No entanto, este não é um encontro traumático ou que causará dor à criança, muito pelo contrário: é sempre melhor (e mais barato!) prevenir do que remediar. 

Outra boa dica, quando a criança já começa a entender o processo, é tornar o momento uma divertida aventura. E que tal oferecer à criança alguma recompensa?

Nossos odontopediatras estão à disposição! Agende uma avaliação na Clinodente mais próxima e fique tranquilo: os dentinhos do seu filho estarão em ótimas mãos!

O atendimento em Odontopediatria realizado pela Clinodente é a partir dos 10 anos de idade, mediante a avaliação.

Preencha seus dados e prossiga x